24 de maio de 2012

Conto do Vento no Shortcutz Lisboa

Na Terça-feira fui pela primeira vez ao Shortcutz Lisboa. Para quem não conhece: o Shortcutz é, muito resumidamente, uma competição de curtas que tem lugar em várias cidades de Portugal e também já em algumas cidades europeias. Em Lisboa, há sessões todas as Terças-feiras no Bicaense; cada sessão conta com um convidado, com uma curta convidada e com duas curtas a concurso para a competição mensal (é isto, certo?).

Nesta sessão, o convidado foi o Rogério Ribeiro, um dos "fundadores" da Shortcutz, com uma breve apresentação da Antologia de Ficção Científica do Fantasporto. E a premiadíssima curta Conto do Vento, de Nélson Martins e Cláudio Jordão, foi a curta convidada. Até ia escrever sobre ela uma breve review, mas o Artur Coelho já o fez, e bem melhor do que eu conseguiria, pelo que deixo aqui o artigo como leitura recomendada. De qualquer forma, fiquei agradavelmente surpreendido com a qualidade da animação e da narrativa - e ouvir os próprios criadores a falarem do projecto, do processo criativo e das várias etapas da longa produção desta pequena curta foi muito interessante. 

Aliás, a avaliar pela (excelente) qualidade de Conto do Vento e das duas curtas em competição - The Great Monteleone, de João Leitão, e Bebé, de Reza Hajipour -, cheira-me que vai sendo altura de eu rever alguns  preconceitos para com o cinema português. Pelo menos para com o "curto".

6 comentários:

FilmPuff disse...

Já vi o Conto do Vento e concordo com alguns aspectos. Nomeadamente a animação, é original, com certeza e esteticamente agradável mas para uma cegueta como eu torna-se, a tempos complicada de assistir. Cheguei a falar disso aqui: http://notfilmcritic.blogspot.pt/2012/03/cineuphorica-pela-animacao.html

João Campos disse...

Por acaso não notei a "vertigem" (e basta-me subir a uma cadeira para ter vertigens!). A animação é formidável - confesso que não esperava ver algo tão bom feito por cá (ignorância minha, bem sei).

FilmPuff disse...

Olha que parece ser um retrato do mundo por quem sofre da síndrome de Ménière. http://www.medipedia.pt/home/home.php?module=artigoEnc&id=546

Não por que seja altamente culta ou algo que se pareça, mas o meu irmão tem crises parecidas com o que se vê no écrã.

joão campos disse...

Ok, estou a perceber.

E, desculpa, mas não resisto: mediapedia.pt? Because Wikipedia is too mainstream? ;)

FilmPuff disse...

LOL. Sem problema. Por acaso achei que estava mais aprofundado e on-point.

joão campos disse...

Pois pois! :)